O Greenlight é o requisito necessário para que os jogos independentes possam ser lançados e comercializados na plataforma Steam, juntamente com os grandes títulos do mundo de games.

O que é?

O Greenlight é a maneira de colocar um jogo independente para venda na plataforma Steam. Ocorre uma votação para o público se manifestar, dizendo se aprova ou não o jogo.

Todo (ou quase todos) desenvolvedor independente sonha em ter seu jogo publicado na plataforma Steam. Claro! A Steam é a maior vendedora de jogos do mundo, ter seu jogo publicado lá é praticamente garantia de que vai vender ao menos algumas dúzias de cópias.

Aliás, mesmo que você não cobre pelo download do seu jogo (sim, é possível publicar um jogo gratuitamente), a visibilidade que o seu trabalho vai ter é bem considerável, atuando até como uma boa marcação no “currículo” do seu estúdio de desenvolvimento.

Como funciona o Greenlight?

De maneira resumida: o seu jogo precisa ser aprovado pela comunidade (usuários da Steam) por meio de votação.

greenlightt

Opções de voto de um jogo no Greenlight

Assim que você publicar o seu jogo no Greenlight, a página dele ficará disponível para que outras pessoas votem. Elas vão dizer se acham interessante ter o jogo na Steam ou não.

Não existe uma quantidade mínima de votos para a aprovação do seu jogo. É importante que ele seja mais votado que a maioria dos outros jogos do Greenlight.

A Steam preparou várias dicas para os desenvolvedores divulgarem seus jogos que estão no Greenlight, e também disponibiliza padrões de imagens e logos que podem ser utilizados no material de marketing do game.

Qualquer um pode colocar o seu jogo no Greenlight?

Sim! Qualquer pessoa que tenha desenvolvido um jogo pode cadastrá-lo no Greenlight e encarar a votação popular para tentar entrar na Steam.

Na verdade, qualquer um que possua 100 dólares sobrando para pagar a taxa do cadastro de desenvolvedor. Essa taxa é cobrada pela Steam para evitar que uma enxurrada de jogos toscos, ou mesmo trollagens, sejam adicionadas ao Greenlight.

Segundo a própria Valve (empresa que administra a Steam), a taxa paga pelos desenvolvedores é revertida para instituições de caridade, ficando claro que o objetivo da cobrança é apenas para selecionar aqueles que realmente possuem interesse em publicar um jogo.

O que acontece depois que meu game é aprovado?

Greenlit

Imagem de aprovação de um jogo no Greenlight

Primeiro, deve acontecer uma festa. Comemore, compre pizzas, ligue para um antigo inimigo e diga que o ama. Você vai publicar seu jogo na Steam!!!

Depois da festa, a equipe da Steam irá entrar em contato com você para acertar os detalhes (data de lançamento, preço sugerido, promoções, regras, etc).

Faça um planejamento. Garanta que seu jogo estará em condições de ser publicado na data estabelecida (se estará completo, sem bugs ou algo do tipo). Tenha em mente que a data de lançamento do jogo é o dia mais propício para venda, já que estará nas principais páginas da Steam.

Seu lançamento pode ser um fracasso se o seu jogo não for o que o público esperava. Lembre-se, o jogador pode testar seu jogo por até 2 horas, se não gostar, ele pode pedir reembolso do dinheiro pago e a sua alegria se tornará uma frustração! Sem contar que será uma propaganda muito negativa do seu estúdio para jogos futuros.

Concluindo:

O Greenlight é, atualmente, a melhor forma do desenvolvedor independente conseguir distribuir seu jogo para um grande público e conseguir retorno financeiro.

Lembre-se de que a simples publicação do jogo na Steam NÃO é garantia de lucros! O seu jogo precisa ser divertido e não estar cheio de bugs, caso contrário, as avaliações serão muito ruins e suas vendas amargarão um péssimo resultado.

Nós, do Indie Game, recomendamos que antes de tentar o Greenlight, leia a sessão de dicas de marketing da Steam, conheça os jogos que estão tentando entrar, veja os comentários dos jogos concorrentes e avalie os aspectos que o público mais gosta e os aspectos negativos.

Caso tenha um jogo aprovado, não se esqueça de nos chamar para o churrasco.


  • Gostou desse post? Clique nos botões para compartilhar com seus amigos no Facebook, Google+ ou Twitter!
  • Tem algo a falar sobre o Greenlight? Comente aqui embaixo!